quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Incoerências

Por que devo ser coerente? Somente porque alguém, que se julga inteligente, disse que a coerência é uma das principais bases para um ser humano correto? Às vezes me pego questionando a respeito do que é ético, e do que não é. Num mundo em que a hipocrisia segue reinando, permito-me, como ser humano falho que admito ser, ser incoerente.

Existem momentos em que tenho a certeza absoluta de que nada mais dará certo. Outras vezes, me vem um raio de esperança e felicidade, que geralmente acontece através de pequenos gestos, e estes gestos me fazem perceber que no final das contas, eu estou no caminho certo.

Mas sou incoerente, então tenho altos e baixos. A Filosofia não explica, a Psicologia também não, porque para eles, ser instável é uma coisa, e ser incoerente é outra. Por que essa mania de complicar tanto as coisas, quando sabemos que na prática, incoerência, inconstância, instabilidade... é tudo a mesma coisa?

É coerente sempre manter uma linha de pensamento, no entanto, vivemos num mundo em que tudo muda o tempo todo. É coerente ser correto, justo, mas estamos o tempo inteiro falando que errar é humano. É coerente não passar por cima de ninguém, mas de uma forma ou de outra, estamos sempre querendo o emprego do outro, o carro novo do outro, ou qualquer coisa que não esteja ao nosso alcance, porque quando a alcançamos, incrivelmente, ela perde totalmente seu valor.

Então, prefiro minha santa incoerência. Hoje me acho lindo, amanhã sou horroroso. Hoje sorrio e amanhã choro todas as lágrimas do mundo, porque pelo que vejo, ser coerente é simplesmente deixar de ser humano, e isso, para mim, é impossível.

PS- Se for possível, perdoem-me mais uma vez a ausência. Pretendo dar mais atenção aos meus blogs queridos daqui pra frente!

10 comentários:

Jeeh disse...

Obrigada pelo elogio ao meu texto, mais creio que ele não soou em primeira pessoa, Ví, já que ele não tem nada a ver com a realidade.

Obrigada pelas belas palavras que você sempre transmite à mim nos seus comentários, eu gosto muito de recebê-los!

Queria aproveitar a oportunidade (sei que você vai me achar boba nessa parte e muuuuito criança), e te pedir desculpas por qualquer coisa que eu falei e que não soou muito legal para você! Esse é um defeito que eu preciso concertar, às vezes eu falo coisas sem pensar na pessoa que irá ouvi-las.

Então desculpa por eu ter dito aquelas coisas sobre a vitória do Dado, a opinião é sua e eu não posso mudar. Espero que reconsidere esse meu ato infantil e mau pensado.


Quanto ao seu post, concordo plenamente com você, querido amigo, deixar de ser incoerente é deixar de ser humano, e isso é algo que considero inadmissível.

Como ser coerente se eu estou mudando de opinião e ideia a toda hora? Como ser coerente se hoje eu eu estou sorrindo e amanhã tudo se desmorona?

A inconstância é algo que não podemos controlar, assim como ninguém consegue ser feliz o tempo todo, já que a felicidade se restringe a pequenos momentos.

Então o que devemos fazer é continuar vivendo essa enorme montanha russa chamada vida, sendo coerente às vezes e incoerente em outras, mas sempre com a certeza de que estamos no caminho certo, o caminho do amor ;}

Beijos

Layana. disse...

Eeeeeei, quanto teempo x)
Muito obrigada pela visita.
Você é sempre muito bem vindo lá!
e eu adoro vir aqui, saber o que vc anda pensando..
beeijos.. ;*

Kamilla Barcelos disse...

Gsotei muito do seu texto, nos faz refletir. Nós seres humanos são estranhos mesmo, exigimos a coerência, mesmo não sendo coerentes! E como ser coerente se tudo é mutável, efêmero, incoerente?

Ni ... disse...

Ah moço, gosto muito da tua forma de escrever...

Bom demais...!

Beijo e mais beijos

Atreyu disse...

Todo mundo julga tudo, mas acho que ética é uma coisa de cada um... e eninguem na na vida do outro pra poder julgar ! cada um é feliz como pode e possui direito de vazer o que bem quiser.. que entre em contradição, contradições podem ser efeito de mudanças de opiniões e mudar pra melhor é sempre muito válido!!! Massa!!
@@

Fernanda disse...

Hahahahahahahahha...
tbm prefiro ser incoerente!!!
=D
hahahahahahahhahahahaha
boa semana pra vc!!!!
=****

Déia disse...

oi, vim te conhecer.

A incoerência faz parte de nossa vida, nosso crescimento e nossa aprendizagem...o importante é ser fiel a sí mesmo!

Voltarei sempre! bj

Srtª Elis° disse...

ahhh..eu sou bem incoerente......srsrsrs seus textos são inteligentes.. fica fascinada c eles.. xeroo!

Camilla disse...

Precisas palavras meu amor.

A verdade é que na teoria tudo é mais fácil. Como diz um texto do Drummond - que eu acho verdadeiríssimo e bastante sensato - Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias...
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus próprios erros.

Fácil é fazer companhia a alguém, dizer o que ela deseja ouvir...
Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer a verdade quando for preciso.

Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre a
mesma...
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer.
Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado...
Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece.
Fácil é viver sem ter que se preocupar com o amanhã...
Difícil é questionar e tentar melhorar suas atitudes impulsivas e as vezes impetuosas, a cada dia que passa.

Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar...
Difícil é mentir para o nosso coração.

Fácil é ver o que queremos enxergar...
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto.

Fácil é ditar regras e,
Difícil é segui-las...

T disse...

e isso que é bom: ser quem se é.
dia sou linda, dia feia, dia inteligente, dia uma porta! mas não perco minha essência, sou eu!
saudades!